Fale conosco 125

Fale conosco
Qual a sua dúvida?
O Racionalismo Cristão dispõe de uma equipe de militantes para atender os leitores de A Razão para lhes tirar dúvidas sobre a doutrina racionalista cristã. Essa equipe pode ser contactada através do email faleconosco@racionalismocristao.org, e seus integrantes terão muito prazer em oferecer esclarecimento e orientação a quem os procurar.
Se você, leitor, tem algum problema ou dificuldade de entendimento de algum fenômeno no campo espiritual, fale conosco, encaminhe sua dúvida ou experiência para ouvinte@racionalismocristao.orge receba esclarecimento e orientação de uma equipe de militantes da Doutrina. Sua experiência poderá ser publicada, mas sua identidade será mantida em sigilo.
Como ter um sono tranquilo
284. Desde dos 16 anos sofro de insônias, atualmente tenho 44. O que posso fazer para dormir uma boa noite de sono?
 Resposta: Prezada, a falta de sono pode ocorrer por motivos de ordem material e espiritual. Há pessoas que têm certos distúrbios no corpo físico que as levam a ter dificuldades para dormir. Essas devem procurar tratamento médico para recuperar o sono. Porém, na maioria das vezes, a ausência de sono deve-se a problemas psíquicos, como estresse, ansiedade, depressão, preocupações demasiadas, medo etc. Por isso, cada um precisa conhecer-se  nos aspectos físico e espiritual, para descobrir a verdadeira razão da insônia e combatê-la na raiz, nas suas causas predisponentes.
Portanto, procure lutar contra si própria, para eliminar os sentimentos depressivos e todos os maus pensamentos que porventura passem por sua mente; mantenha a coragem e a devida força de vontade para manter o seu equilíbrio psíquico, agindo sempre com calma, ponderação, lógica e bom senso, e não se deixando perturbar com os problemas naturais do dia a dia. Se conseguir manter o seu equilíbrio emocional durante todo o dia, certamente que à noite estará serena, em paz e feliz, em condições de ter um sono tranquilo e reparador.
É importante, também, que tenha disciplina no seu viver, reservando horários adequados para todas as suas atividades diárias e procurando ir para a cama a horas certas, para que o corpo físico possa acostumar-se com os seus hábitos e responder positivamente.
É também recomendável a prática diária da limpeza psíquica no lar, seguindo as instruções do nosso folheto explicativo; e o hábito de ler as obras editadas por esta Doutrina, dando prioridade às essenciais: Racionalismo Cristão, A vida fora da matéria e Prática do Racionalismo Cristão, em suas edições mais recentes. Se puder, frequente as reuniões públicas de limpeza psíquica e de esclarecimento espiritual em uma casa racionalista cristã, para receber os fluidos benéficos das Forças Superiores e aconselhamentos que lhe proporcionarão grande bem-estar.
Saiba relacionar-se com seu filho
285. Tenho um filho que sofre de comportamento compulsivo. Não trabalha, não tenho quem me ajude, não sei como resolver, pois ele é maior de idade e não me obedece. Tenho medo que ele vá parar na rua. Não sei como fazer. 
Resposta: Prezada, é preciso calma, paciência e compreensão para lidar com o seu filho. Há espíritos mais rebeldes que encarnam em famílias mais esclarecidas para terem a oportunidade de absorver bons exemplos que lhes irão beneficiar muito.
Procure conversar com o seu filho, em momentos de calma no lar, usando sempre de educação e bons modos, nunca se deixando alterar nem aceitar provocações ou discussões, para haver oportunidade de orientá-lo com carinho, inteligência e atenção, mostrando-lhe o caminho certo, com firmeza e coerência de atitudes.
Pratique a limpeza psíquica no lar, nos horários disciplinares, e convide o seu filho para participar; habitue-se a ler as obras indicadas pelo Racionalismo Cristão, dando preferência às edições mais recentes.
Procure assimilar aqueles ensinamentos e ponha-os em prática no seu dia a dia. Se possível, frequente as reuniões públicas em uma casa racionalista cristã, para receber os eflúvios revigoradores das Forças Superiores e aconselhamentos de grande valor espiritual. Convide o seu filho, quem sabe ele aceita.
Nunca desista dele. Nunca desista de ajudá-lo, tenha coragem, resignação, determinação e confiança em si de que ele pode, sim, retornar ao caminho certo. Acredite que o seu amor de mãe poderá, um dia, fazê-lo compreender o grande erro que vem cometendo. Mantenha pensamentos positivos e otimistas.
Aqueles que conhecem a vida espiritual sabem que o espírito passa por dificuldades neste planeta-escola para aprimorar os seus atributos, e quando consegue suportar as vicissitudes da vida tem a grata satisfação do dever cumprido.
Quando a pessoa fraqueja e afunda-se em vícios, fica envolvida por cargas negativas que geram grande desequilíbrio psíquico, colocando-a como refém dos próprios erros e vícios.
Falta ao seu filho coragem e força de vontade para reagir e livrar-se desse terrível mal que o prejudica grandemente. E a ajuda familiar, com compreensão e carinho, é muito importante, mesmo que aparentemente não surta os efeitos desejados.
Por isso, repetimos: converse com o seu filho, chame-o à razão e ao bom senso, mostre-lhe que está trilhando um caminho perigoso que pode levá-lo à perda dessa encarnação.
Se você não tem contato com ele ou não há como entabular uma conversa, irradie por ele, mentalize-o sempre de forma positiva, imagine-o curado e adotando conduta exemplar, a conduta de um racionalista cristão, use a força do seu pensamento voltado para o bem e tenha confiança em si e nas Forças Superiores de que o melhor irá acontecer sempre, porque você é bem assistida e tem o poder de raciocinar com acerto e tomar as decisões mais corretas e coerentes em sua jornada evolutiva neste planeta-escola.
Esperamos que o seu filho se modifique para melhor e se torne um homem espiritualizado e pronto para enfrentar os desafios deste planeta-escola.
Siga as orientações para a vitória sobre a ansiedade
286. Leitora atormentada pelos desagradáveis sintomas da ansiedade e após recorrer a médicos e tratamentos, sem solucionar seu problema, apela à equipe de militantes do Racionalismo Cristão na expectativa de livrar-se do incômodo que a perseguia com uma pergunta simples e objetiva: “O que devo fazer para vencer a ansiedade?” Eis o aconselhamento que recebeu:
Prezada, a contenção da ansiedade passa por um atributo pertencente ao  espírito que é o domínio próprio; e assim, reconhecendo-se que é uma parcela do Princípio Inteligente igual a todas as pessoas que estão ao seu redor, e que está exercendo a sua evolução através dos estudos, do trabalho, da luta diária pelo aperfeiçoamento, pouco a pouco irá sentindo a calma interior que tanto almeja para ordenar seus pensamentos.
Não é possível, porém, modificar-se de um momento para outro sem conhecer-se a si mesma, as suas limitações e possibilidades, sem criar expectativas além daquelas que necessita ultrapassar, mas tudo exercido com calma, com esforço e perseverança, sem medos, sem culpas, entendendo que estamos num mundo de aprendizado onde todos são alunos e a absorção dos ensinamentos se faz em muitas encarnações. O que não é conseguido nesta, certamente o será em outras. O importante é manter a vontade forte através do reconhecimento de que é uma pessoa de bons sentimentos, voltada em seus pensamentos para a finalidade de praticar o bem.
Para essa conscientização existe o Racionalismo Cristão com seus ensinamentos, que incentivam a disciplina, tanto em pensamentos quanto em ações, e que precisam ser exercidos através de um ordenamento de ideias, de um método, mas sem precipitação, pois sentimos que a mudança vai-se operando aos poucos e que “a pressa é inimiga da perfeição”.
Luta diária. Reconheça que esta é uma luta diária consigo mesma, em que precisa combater o medo do futuro e viver o presente com confiança e otimismo, e não tentar antecipar em pensamentos, geralmente de forma pessimista, acontecimentos que podem ou não ocorrer, e sim planejando e estabelecendo prioridades em sua vida. Só assim irá aos poucos eliminando seus sofrimentos e o descontrole emocional, encontrando tranquilidade em seu viver.
Entenda que este trabalho de normalização do seu  psiquismo  é um processo paulatino e fruto da sua vontade forte. Por isso não alimente a expectativa de obter resultados imediatos, mas crie, sim, mentalmente a de sucesso, esteada nas irradiações amigas que envolvem todos nós, e pouco a pouco irá sentindo os efeitos benéficos dessas correntes positivas.
O que o Racionalismo Cristão procura ensinar é que precisamos exercer a atração através da vontade forte em praticar o bem, e esse bem é conseguido pelas vibrações positivas dos nossos pensamentos ligados às correntes superiores através da leitura constante, da disciplina diária da limpeza psíquica, e em nosso viver, uma forma de contribuir não só com o nosso bem-estar mas com o de toda a humanidade, deixando para traz tudo que nos possa prejudicar psiquicamente, como os sentimentos de temor, de medo, de ansiedade, ao executar esta  disciplina recomendada  a todos os seres humanos, pois somos todos médiuns intuitivos.
Por isso, incentivamos você a continuar estudando e com isso ligando-se às correntes de ordem superior, sem pressa, mas com persistência e coragem, e acima de tudo com otimismo de que o que a incomoda é passageiro, e imbuída da convicção de que sairá vencedora nesses embates com o seu próprio eu.
No livro Prática do Racionalismo Cristão, 13ª edição, encontrará na página 64 sugestões para executar uma disciplina que é importante ser seguida por aqueles que querem normalizar-se psiquicamente.